HIV-1, GENOTIPAGEM – RESISTENCIA AOS ANTI-VIRAIS

SINONIMIA: HIV-1 Genotipagem; HIV-1 Resistência Genotípica aos Anti-Virais; HIV- Resistência aos Anti-Virais; HIV-1 Genotipagem – Resistência Genotípica aos Anti-Virais; Genotipagem para HIV; Genotipagem para HIV-1;

METODO: Sequenciamento Genético do DNA (Genotipagem)

MATERIAL: Sangue

CONDIÇÃO: Jejum Não Obrigatório.

INSTRUÇÕES: Para a realização deste exame é necessário seguir as instruções abaixo:
1- Este exame SOMENTE poderá ser realizado se o cliente possuir o Pedido Médico, não sendo possível o atendimento através do Auto Pedido.
2- O cliente deverá portar um documento de identificação com FOTO (Identidade, Carteira Profissional, Identidade Profissional, etc), o qual será devolvido após a conferência no ato da coleta do material.
3- O laudo com o resultado do exame SOMENTE poderá ser entregue ao próprio cliente. Se o cliente estiver impossibilitado de retirar o laudo, ele deverá AUTORIZAR a retirada por terceiros preenchendo e assinando o Termo de Autorização para Retirada de Laudos.

COLETA:
– Colher 3,0 mL de plasma (EDTA ou ACD).
– O sangue deve ser colhido em tubo vacutainer (tubo a vácuo – EDTA com gel saparador no mesmo tubo) ou seringa estéril com EDTA.
– Não abrir o tubo de coleta de sangue.

INSTRUÇÕES PARA SEPARAÇÃO DO MATERIAL E ENVIO PARA LAB. DE APOIO:
– Enviar juntamente com a requisição de Genotipagem, um resultado de carga viral, com menos de 30 dias e no caso de pacientes ainda sem carga viral, solicitar a carga viral e a genotipagem, pois no caso da carga viral ser maior que 1000 copias/mL, será automaticamente executada a genotipagem.
– O envio de amostras para genotipagem, que não tiverem carga viral
superior a 1000 copias/mL, não permitindo a amplificação e a genotipagem, serão cobrados normalmente, pois o exame foi processado, não obtendo resultado devido a baixa carga viral.
– A presença de inibidores na amostra, que impedem a amplificação, por envio da amostra em tubos não estéreis e virgens, ou por característica própria da amostra, também será cobrado normalmente, uma vez que amostra foi processada, embora sem obtenção de resultado. O sangue deve ser colhido em tubo vacutainer (PPT ou convencional) ou seringa estéril com EDTA. – Centrifugar a 1800 r.p.m., por 20 minutos.
– Separar em 2 frascos plasticos estéreis e congelar.
– Separar e congelar no máximo 4 horas após a coleta.
– Anotar data da coleta e hora do congelamento nos frascos e na requisição.
– Enviar em frasco estéril ou solicitar kit para PCR.
– NÃO enviar em tubo tipo Eppendorf.
– Enviar amostra congelada em gelo seco.

CONSERVAÇÃO E ENVIO: O plasma pode ser mantido congelado até 3 dias de – 4oC. Enviar em gelo seco.

SETOR: SAL (Terceirização de Exames)

MARCAÇÃO: 9 dias úteis

REALIZAÇÃO: Hermes Pardini

APLICAÇÕES CLÍNICAS:
Detecta a presenca de mutacoes no gene pol. do HIV-1, que levam a resistencia as drogas utilizadas no tratamento da infeccao cronica, como os inibidores nucleosideos e nao nucleosideos da transcriptase reversa, e aos inibidores da protease.
Este teste esta indicado para:
. determinar a droga anti-retroiral de escolha quando o paciente apresenta falencia ao tratamento atual.
– avaliar o padrao do virus infectante na fase aguda da infeccao pelo HIV.
– avaliar o padrao de resistencia na mulher gravida.
Devido ao acumulo de dados relacionados a interpretacao dos testes de resistencia aos anti-retrovirais, sera realizada uma atualizacao semestral da tabela de mutacoes relacionadas a resistencia. Estamos utilizando o sistema de pontuacao das mutacoes (mutation score) do Hospital Universitario de Stanford. O peso de cada mutacao foi determinado atraves de estudos publicados que correlacionavam tratamento e genotipo, genotipo e fenotipo e finalmente, genotipo e evolucao clinica. O laudo de interpretacao do resultado apresentara 3 niveis de resistencia as drogas:
1. Sensivel (0 a 14): o virus sequenciado nao apresenta reducao de susceptibilidade as drogas.
2. Resistencia parcial (15 a 59): a inibicao do crescimento “in vitro” nao eh total. Valores entre 15 a 29 indicam um baixo grau de resistencia

Compartilhe nas redes sociais

Consulte outros exames

Olá, como podemos te ajudar?